sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Saudades da Suécia

Normalmente somos bem recebidos em todo lado, é verdade.
Mas esta viagem foi mesmo especial: talvez por ter sido tão bem planeada tivemos tempo para trabalhar e tempo para passear.
 
Os canais de Estocolmo a partir de uma janela do Fotografiska, o Centro de Fotografia Contemporânea, instalado no edifício da antiga alfândega da cidade.



No metro de Estocolmo, naquela que se foi tornando a nossa estação.


O Skogskyrkogarden, o parque-cemitério de Estocolmo classificado como Património da Humanidade pela Unesco (96 hectares de relvados, jardins e campas).

A vista para o Lisberg, o parque de diversões de Gotemburgo, junto ao edifício onde decorre a Feira do Livro.  
Vinte (lindas) coroas suecas (aproximadamente dois euros e trinta cêntimos), com a figura da escritora Selma Lagerlof, autora de "A Maravilhosa Viagem de Nils Holgersson" e a primeira mulher a ganhar o Prémio Nobel da Literatura em 1909.





Imagens dos workshops que realizámos com as crianças e pais das comunidade portuguesas de Estocolmo e Gotemburgo.


E finalmente o seminário na Feira do Livro de Gotemburgo, onde apresentámos aos editores (e leitores) escandinavos o projeto do Planeta Tangerina.

Um agradecimento ao Instituto Camões, à DGLB e à Konstfack (a Faculdade de Belas Artes de Estocolmo). E um obrigado muito especial à Catarina Stichini do Instituto de Língua Portuguesa da Universidade de Estocolmo.

1 comentário:

joaninha disse...

Espectacular!!! Bjs para voces!